Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/11/15 às 12h50 - Atualizado em 30/10/18 às 11h45

3 mil mudas do Cerrado serão plantadas em 12 regiões administrativas de Brasília

COMPARTILHAR

da Agência Brasília

Iniciativa faz parte de programa lançado em setembro que visa promover ações continuadas de educação ambiental e mobilização social

 

Áreas públicas de 12 regiões administrativas de Brasília receberão no sábado (21), a partir das 8 horas, o Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado, iniciativa da Secretaria do Meio Ambiente. Três mil mudas de árvores típicas do bioma, como aroeira, ipê, jatobá e sibipiruna, serão plantadas em Brazlândia, em Ceilândia, no Gama, no Guará, no Itapoã, nos Lagos Norte e Sul, em Planaltina, no Plano Piloto, em Samambaia, em Santa Maria e no Sudoeste/Octogonal. Os locais onde haverá o plantio podem ser consultados no site da Virada do Cerrado — Cidadania e Sustentabilidade, programa continuado de educação ambiental e mobilização social iniciado em setembro.

As plantas foram doadas pela Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) e produzidas no viveiro do Complexo Penitenciário da Papuda por meio de convênio assinado em 2012 entre a empresa pública e a Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (Funap). Para semear mudas do Cerrado, com o objetivo de recuperar áreas degradadas em Brasília, o canteiro recebe investimento de R$ 1.519.104 para quatro anos. O valor é repassado mediante prestação de contas e comprovação das obrigações firmadas.

Segundo a coordenadora de Mobilização Socioambiental, da Subsecretaria de Educação e Mobilização Socioambiental, da pasta do Meio Ambiente, Cláudia Sachetto, a ação conta com apoio das administrações regionais e da população local. “Essa época é melhor para plantar porque estamos no período de chuva e isso contribui para que as mudas cresçam fortes e se sustentem no período da seca”, explica. Para quem quiser participar do plantio no sábado, Cláudia recomenda usar protetor solar, levar garrafa de água e ferramentas — cavadeiras e enxadas, por exemplo.

Ocupe o Lago
No domingo (22), o movimento Ocupe o Lago também promoverá plantio de mudas na QL 13 (conhecida como a Quebra da Treze), a partir das 8 horas. As plantas serão doadas pela administração regional que tem um canteiro com mais de 20 mil espécies, entre elas, cagaita, ipê, jatobá e pequi. Segundo o administrador da região, Leandro Casarin, o viveiro é mantido pelo próprio órgão, com apoio da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), de moradores e de comerciantes.

Confira a programação e locais de plantio aqui