Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/06/17 às 20h01 - Atualizado em 30/10/18 às 11h16

Propostas de jovens vão ser debatidas na Conferência

COMPARTILHAR

Notícias

Decisão foi tomada na Pré-conferência realizada em Planaltina. Gama sediará próximo encontro em 8 de julho

(Brasília, 26/6/2017) – O secretário do Meio Ambiente, André Lima, afirmou que deseja sistematizar as contribuições recebidas dos jovens durante as seis pré-conferências do meio ambiente, e transformar em um documento oficial para ser entregue ao governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg. “As propostas têm tudo a ver com o que nós estamos precisando fazer”, apontou.

O grupo de estudantes de 11 a 13 anos propõe ações de conscientização da população sobre economia de água, tratamento adequado do lixo e fiscalização ambiental, além da criação de novos parques e unidades de conservação e, inclusive, a recuperação de áreas de nascentes. “São ações realmente importantes e necessárias e que estão na agenda do dia para uma política ambiental consistente”, comentou o secretário.

André Lima irá se reunir com a Comissão Organizadora Distrital (COD) da conferência distrital para defender a inclusão das propostas dos jovens, em novembro, como parte dos seis eixos temáticos ou como um documento separado. A coordenadora de Educação Ambiental da Secretaria do Meio Ambiente (Sema-DF), Juliana Pinto, afirmou que a lição-chave dessa participação é alertar as pessoas que não sofrem com a falta de água. Existem problemas de abastecimento e as famílias dos adolescentes estão sofrendo com isso, pontuou. Juliana comparou as propostas dos jovens de São Sebastião e Planaltina. “Quem já tem dois dias sem água em casa tem soluções na ponta da língua”, disse, referindo-se a São Sebastião.

Parques

Com o objetivo de divulgar os parques da região de Planaltina e conscientizar os jovens sobre a sua importância, estudantes de Gestão Ambiental da Universidade de Brasília (UnB) propuseram um debate sobre o assunto durante a pré-conferência, realizada no sábado (24). Abordaram a necessidade de preservação dos parques ecológicos Lagoa Joaquim de Medeiros e Pequizeiros, ambos em Planaltina. As unidades têm a função de conservar os ecossistemas naturais locais.

Para a estudante e moradora de Planaltina, Maria Eduarda, de 19 anos, a divulgação dos parques é essencial para a cidadania ambiental e conscientização dos jovens. “A educação ambiental é importante para entrarem em contato com o tema do meio ambiente na pré-conferência, e temos que ter essa preocupação com os parques”, ressalta.

O estudante de gestão ambiental e morador da região Juan Carlos acha que é preciso começar essa abordagem na infância. “Só assim conseguiremos mudar nossa cultura”.

O professor Flávio Paulo Pereira, o “Pau-Pereira”, da Escola Classe Córrego do Meio, na área rural de Planaltina, defendeu a ampliação da fiscalização dos parques como uma das principais demandas da comunidade. “Os parques sofrem com desmatamentos”, avalia. A necessidade de preservação também foi abordada pela presidente do Instituto Brasília Ambiental (Ibram), Jane Vilas Bôas. “Temos na região de Planaltina a Estação Ecológica de Águas Emendadas (Esecae), que é um espaço fundamental para preservação, já que existem nascentes de lá que deságuam nas Cataratas do Iguaçu, o que é muito importante para a geração de energia elétrica”, ressaltou.

A gerente de Apoio à Área Rural da Administração de Planaltina, Jacilene Cirilo Alves, destacou que a preservação ambiental é prioridade para a população daquela região. “É a melhor forma de começar a recuperar o nosso bioma”, disse.

Parque Ecológico dos Pequizeiros

Possui aproximadamente 770 hectares e situa-se entre os Núcleos Rurais Santos Dumont I e II. Sua entrada principal fica ao lado do canal de irrigação proveniente do córrego Pipiripau. É um dos maiores e mais preservados do DF, por estar situado na Área de Proteção de Mananciais (APM) do Quinze.

Parque Ecológico e Vivencial Lagoa Joaquim de Medeiros

Contém um perímetro de 3.613,82 metros. Abarca as lagoas Joaquim de Medeiros e Carás. O parque está às margens da rodovia DF-230, entre a BR 020 e o balão de acesso ao IFB de Planaltina.

Estação Ecológica de Águas Emendadas

É uma área de proteção integral do cerrado, que guarda uma única nascente que dá origem a duas de nossas maiores bacias hidrográficas: Tocantins e Paraná.

Leia mais:

São Sebastião define delegados para conferência distrital

Sema amplia representação na Conferência do Meio Ambiente

São Sebastião abre Conferência Distrital do Meio Ambiente

Conferência Distrital de Meio Ambiente 2017

Facebook

Twitter

Mais informações:

E-mail: comunicacaosema@gmail.com

Telefone: (61) 3214 – 5611

Presidente do Ibram, Jane Vilas Bôas, e secretário do Meio Ambiente, André Lima, receberam as propostas dos jovens de Planaltina. Foto: Fernanda Rios. 

Professor Pau-Pereira. Foto: Fernanda Rios. 

Jacilene Cirilo Alves é servidora da Administração Regional de Planaltina. Foto: Fernanda Rios.