Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/02/19 às 20h11 - Atualizado em 14/02/19 às 13h43

SEMA e Caesb fazem parceria para proteção da água

COMPARTILHAR

O secretário de Meio Ambiente, Sarney Filho, esteve reunido com o presidente da Caesb, Fernando Rodrigues F. Leite para discutir projetos de sustentabilidade afetos às duas áreas. “Estamos empenhados em garantir a recuperação e a proteção de nossos mananciais desde as nascentes, por isso esta sinergia com a – Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal será de grande importância”, destacou o secretário.

 

Sarney Filho citou programas que desenvolveu quando ministro do Meio Ambiente, em suas duas gestões, citando o Plantadores de Árvores, voltado para estimular o replantio em matas ciliares e nascentes. “Diante das mudanças climáticas, que já causaram recentemente grave crise hídrica no DF, precisamos trabalhar em caráter de segurança ambiental, garantindo, assim, água em quantidade e com qualidade para esta e para as futuras gerações”, defendeu.

 

Secretário Saney Filho e o presidente da Caesb, Fernando Leite

 

Ficou acertado na reunião, que a partir de agora as duas áreas irão analisar os projetos em andamento com as respectivas as áreas técnicas. O presidente da Caesb, Fernando Leite, afirmou que a empresacuidou bem, desde a sua criação, do abastecimento de água, da coleta e do tratamento de esgotos no DF. “Meio ambiente, agora, é prioridade do governador Ibaneis Rocha. Esta postura ficou clara com a mudança na razão social da empresa, de Companhia de Saneamento para Companhia de Saneamento Ambiental do DF”, citou Leite.

 

A Caesb, segundo adiantou, irá promover um diagnóstico de todas as suas captações no DF. Ele apontou uma série de problemas que colocam em risco os recursos hídricos, destacando a ocupação irregular de áreas públicas, exploração de lençóis subterrâneos, desperdício e ligações irregulares. Sema e Caesb concordam que as invasões atingem áreas importantes de nascentes e que a situação exigirá ação enérgica do governo.

 

Entre os programas da Caesb, o presidente da empresa citou o projeto Biguá que será revitalizado em sua gestão. A iniciativa visa a coleta dos resíduos da fritura que, por meio do processo de transesterificação, realizado na usina de Biodiesel da Caesb, é transformado em combustível. A Caesb pretende utilizar esse combustível para abastecer geradores dos elevatórios de esgoto e a frota de veículos da empresa.

 

Secretaria de Meio Ambiente
Assessoria de Comunicação Social

61-99360.1387