Governo do Distrito Federal
5/06/22 às 14h44 - Atualizado em 5/06/22 às 14h44

Compromisso para reduzir emissão de gases de efeito estufa

 

 

Decreto irá marcar a Semana Mundial do Meio Ambiente em cerimônia nesta segunda (6), no Palácio do Buriti

 


A assinatura do decreto que prevê a redução da emissão de gases causadores do efeito estufa (GEE) no Distrito Federal e a apresentação de iniciativas dos órgãos de governo e parceiros na área do meio ambiente vão marcar a celebração da Semana Mundial do Meio Ambiente, em cerimônia no Palácio do Buriti, nesta segunda-feira (6).

 

Com o novo decreto, o Governo do Distrito Federal (GDF) vai institucionalizar o seu compromisso no âmbito do Acordo de Paris (2016), que tem como principal objetivo reduzir as emissões de gases de efeito estufa para limitar o aumento da temperatura global. A Contribuição Distritalmente Determinada (CDD) prevê redução em 20% até o ano de 2025, e de 37,4% até 2030, ambas em relação ao ano de referência (2013).

 

O decreto estabelece, ainda, o Plano Carbono Neutro, pelo qual, a partir de 2030, o DF adotará metas quinquenais sucessivas de redução de emissões de GEE, com o objetivo de alcançar emissões líquidas zero ao longo da segunda metade do século.

 

A redução de emissões será orientada por Planos Setoriais, baseados em transição tecnológica, a serem desenvolvidos de forma articulada com as demais secretarias. A institucionalização das metas climáticas pelo decreto deve facilitar o acesso ao financiamento de medidas de mitigação e adaptação.

 

Na ocasião, será anunciada a programação ao longo da semana nas regiões administrativas do DF, com ênfase em educação ambiental. São destaques exposições e atividades envolvendo escolas, Jardim Botânico, Zoológico e parques. O Serviço de Limpeza Urbana (SLU), o DF Legal, a Fundação de Amparo à Pesquisa (FAP-DF), além de organizações da sociedade civil, se juntam às atividades dos próximos dias.

 

Participam do ato os secretários de Meio Ambiente, Sarney Filho, e de Ciência Tecnologia e Inovação, Elisio Luz; os diretores-presidentes do SLU, Sílvio de Morais, da FAP-DF, Marco Antônio Costa Júnior, e do Zoológico de Brasília, Eleutéria Guerra; e os presidentes da Câmara Legislativa, Rafael Prudente, da Companhia de Saneamento Ambiental, Pedro Cardoso, e do Brasília Ambiental, Cláudio Trinchão.

 

Exposição

 

Responsável pela implantação do Programa Reciclotech, o destaque da agenda da Secretaria da Ciência e Tecnologia (Secti) é a Exposição Brasília Tech-Ambiental, na Câmara Legislativa e na Rodoviária do Plano Piloto, que conta com a parceria da Secretaria de Meio Ambiente (Sema), SLU e Zero Impacto.

 

Até o dia 12, a pasta também vai oferecer workshop a agentes patrimoniais, minipalestras e oficinas, cerimônia de certificação dos alunos do Caminhão da Tecnologia, além de drive-thru de coleta de lixo eletrônico em Taguatinga e Águas Claras.

 

O Projeto Reciclotech é uma parceria da organização não-governamental Programando o Futuro e a FAP-DF, com objetivo de contribuir para a criação de um projeto inovador de logística reversa, recondicionamento e reciclagem de equipamentos eletrônicos, com polos de economia circular (PEC) e formação de jovens e adultos em tecnologia da informação.

 

Ações em escolas

 

A Sema, no âmbito do projeto CITInova, programou o lançamento de Comitês de Jovens pelo Meio Ambiente na Escola de Ensino Médio IV Guará e no Centro de Ensino Médio Taguatinga Norte. Será apresentado, também, o Projeto de Energia Fotovoltaica da Sema, que vai contemplar 42 parques e 14 prédios públicos, entre os quais dez escolas.

 

O Brasília Ambiental, Jardim Botânico e a Fundação Jardim Zoológico estão mobilizados para oferecer à população oportunidades variadas de diversão e aprendizado ao longo da semana.

 

A Sema abriu na última sexta-feira (3) a sua programação, com o Brasília Ambiental e outros órgãos que integram o Programa de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (PPCIF), promovendo uma blitz, na entrada principal do Jardim Botânico, para orientar motoristas sobre prevenção e cuidados com o fogo no cerrado.

 

O Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado neste sábado (5), foi instituído pelas Nações Unidas em 1972 e tem como tema este ano “Uma Só Terra”, destacando a necessidade de se viver de forma sustentável em harmonia com a natureza, promovendo transformações, a partir de políticas públicas e de escolhas.

 

Confira a programação da Semana do Meio Ambiente.

 

*Com informações da Secretaria do Meio Ambiente