Governo do Distrito Federal
4/06/22 às 12h30 - Atualizado em 4/06/22 às 12h30

Vídeos sobre Jardim Botânico e Zoológico mostram a importância dessas unidades de conservação no contexto urbano

Zoológico ganha também tour virtual 360° para visitantes conhecerem mais sobre o trabalho de conservação das espécies

 

 

 


 

Em ocasião da Semana Mundial do Meio Ambiente, o Jardim Botânico e Zoológico de Brasília lançam uma série de vídeos inspirados na flora e na fauna presentes nessas duas unidades de conservação (UCs). Os vídeos mostram a importância das UCs para a conservação das espécies e da biodiversidade no Cerrado, além da contribuição para a qualidade do clima e da água no Distrito Federal.

 

A iniciativa contou com a produção da Secretaria do Meio Ambiente do DF, por meio do Projeto CITinova, que promove cidades sustentáveis no Brasil, com investimentos em tecnologias inovadoras e planejamento urbano integrado.

 

“Ações como essa buscam sensibilizar a população sobre a importância das áreas verdes urbanas, além de mobilizar a sociedade no processo de construção e implementação das políticas ambientais”, afirma o secretário do Meio Ambiente do DF, Sarney Filho.

 

Os vídeos abordam o trabalho com fins conservacionistas do Zoo. “Essa ferramenta vai permitir que o público entenda um pouco mais sobre o trabalho e ações do Zoo de educação ambiental e pesquisas, e como elas contribuem para a conservação de animais da fauna silvestre ameaçados de extinção”, diz a diretora-presidente do Zoológico de Brasília, Eleutéria Pacheco.

 

O Zoológico também ganhou um tour virtual em 360° graus pelos seus espaços de cuidado e visitação aos animais, para que o público possa conhecer mais sobre o trabalho dessa fundação que nasceu antes mesmo da inauguração da capital federal, em 1957.

 

No mapa, os visitantes podem escolher os espaços destinados a cada animal, como lobo-guará, flamingos, macacos, águias, lontras, ariranhas, ursos, elefantes, jacarés, girafas, rinocerontes, borboletas e hipopótamos. Navegue aqui.

Assista aqui os vídeos sobre o Zoo.

 

 

JARDIM BOTÂNICO

 

Com 5 mil hectares de extensão, dos quais 4,5 mil hectares de área protegida na Estação Ecológica, o Jardim Botânico de Brasília (JBB) mantém coleções de plantas e desenvolve pesquisas e ações de educação ambiental. As 26 nascentes de água que brotam ali abastecem uma parte da população da cidade.

 

“É a vegetação conservada que torna isso possível”, diz o vídeo de cinco minutos, que também mostra o trabalho no herbário e no orquidário, além das paisagens, fauna e flora locais.

 

Para a diretora executiva do JBB, Aline De Pieri, manter o status desta UC em condições ideais de conservação e preservação reflete o compromisso e a dedicação de toda uma equipe. “Estamos comprometidos em garantir a qualidade de vida e os melhores indicadores ambientais a Brasília e ao Distrito Federal”, diz.

 

 

Confira aqui os vídeos sobre o JBB.

 

CITinova

 

“O CITinova colabora com o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e está alinhado com a Agenda 2030, pactuada pelo Brasil e outros 192 países que integram a Organização das Nações Unidas (ONU)”, afirma a coordenadora executiva do CITinova no DF, Nazaré Soares.

 

O Projeto colabora especificamente com o ODS 11 – para tornar as cidades e comunidades mais inclusivas, seguras, resilientes e sustentáveis.

 

É um projeto multilateral realizado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Os recursos são do Global Environment Facility (GEF), com implementação a cargo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma). A execução no DF é pela Sema, em parceria com o Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE).

 

Assessoria de Comunicação

Secretaria do Meio Ambiente