Governo do Distrito Federal
20/05/22 às 15h33 - Atualizado em 20/05/22 às 15h38

Sema participa de exposição sobre o Dia Mundial das Abelhas

 


 

O Dia Mundial das Abelhas (19.5) foi marcado, em Brasília, pela abertura de uma exposição promovida pela embaixada da Eslovênia no Memorial Darcy Ribeiro, no Campus da Universidade de Brasília.

 

A mostra “Abelhas do Brasil: nativas, europeias e africanizadas”, com fotos do pesquisador Simon Plestenjak , foi inaugurada pelo embaixador, Gorazd Rencelj, e contou com as presenças do representante da FAO no país, Rafael Zavala e do secretário do Meio Ambiente no DF, Sarney Filho.

 

O secretário chamou atenção da importância das Abelhas para a preservação do meio ambiente e a sobrevivência da humanidade. “As abelhas são polinizadoras incansáveis, nas áreas naturais e cultivadas, garantidoras insubstituíveis da segurança alimentar do planeta.

 

São, porém, muito sensíveis às interferências antrópicas predatórias sobre os recursos naturais, constituindo-se, assim, verdadeiro sinalizador de desequilíbrios ecossistêmicos” alertou Sarney Filho.

 

Ele citou que a Sema prioriza em seu programa a proteção do Cerrado, com projetos e ações como a recuperação de vegetação nativa, mananciais, áreas de preservação permanente, áreas de nascentes e de recargas de aquíferos, em especial nas bacias dos rios Descoberto e Paranoá.

 

“Elaboramos, também, um Mapa de Cobertura Vegetal e Uso Solo, mostrando todas as fitofisionomias e os diferentes usos do solo na região.

 

Implantamos sistemas agroflorestais mecanizados, e oferecemos capacitação técnica a agricultores, para promover melhores práticas agrícolas, conciliando produção eficiente e cuidado com a natureza”, explicou.

 

O embaixador Gorazd Rencelj destacou que o seu país esteve à frente do movimento que proclamou o Dia Mundial da Abelha, no dia 20 de maio. A Eslovênia conta hoje com cerca de 200 mil colmeias e 10 mil apicultores. ” Estamos em contato com a Sema do Distrito Federal e queremos desenvolver trabalhos conjuntos pelo meio ambiente, com ênfase a educação ambiental”, afirmou.

 

O representante da FAO , Rafael Zapata, disse que as Nações Unidas, nos últimos anos, tem dado atenção especial aos cuidados com a preservação das espécies de abelhas em todo o mundo. “Elas têm papel fundamental na polinização, na segurança alimentar, mas infelizmente temos visto o desaparecimento de espécies”, lamentou. Ele parabenizou a embaixada da Eslovênia pela exposição e debates sobre o tema, realizado nesta sexta-feira.

Vídeo por Claudia Godoy

 

 

Assessoria de Comunicação
Secretaria do Meio Ambiente